Animais mortos foram largados por carroceiro em Santa Maria

Imagens de videomonirotamento de um estabelecimento foram entregues para a Polícia Civil. Foto: Reprodução


A 1ª Delegacia de Polícia Civil (1ª DP) recebeu imagens de câmeras de videomonitoramento de um estabelecimento, na última sexta-feira, do carroceiro que teria largado cinco animais mortos, quatro cães e um gato, no último dia 27 de junho, em Santa Maria.

De acordo com a 1ª DP, uma idosa, que prestou depoimento, teria visto o exato momento em que um homem que estava na carroça largou os animais ao lado de um container de lixo, na Rua General Neto, no Bairro Nossa Senhora de Lourdes. Nas imagens das câmeras (28 minutos no youtube), na carroça aparece um homem, uma mulher e uma criança. Agora, os policiais civis trabalham para descobrir quem era o carroceiro no sentindo de saber o lugar de onde os animais foram recolhidos.

Os animais encontrados eram dois cachorros vira-latas e outros dois das raças poodle e schnauzer. O gato era da raça Siamês. Os cinco animais estavam com os olhos costurados e congelados. Os dois vira-latas estavam degolados e o poodle sem uma das pernas.

Na segunda-feira (09), o professor e chefe do departamento de patologia da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), Rafael Fighera, prestou depoimento na 1ª DP e apresentou o laudo da necropsia dos animais mortos. O Santa Maria 24 Horas tentou contato com Fighera, na tarde desta quarta-feira (11), mas ele estava em aula.

Qualquer informação pode ser repassada em sigilo pelo telefone (55)3217-1167 da Polícia Civil.