PRF lança campanha Maio Amarelo nesta segunda-feira em Santa Maria

O lançamento da campanha ocorre, na manhã desta segunda-feira, às 10h, na Basílica da Medianeira. Foto: PRF/Divulgação


A Polícia Rodoviária Federal (PRF) e o SEST SENAT lançam, na manhã desta segunda-feira (07), a campanha Maio Amarelo, em Santa Maria. O ato ocorrerá na Basílica da Medianeira. Após a solenidade, será realizada a primeira ação operacional de educação com abordagens educativas envolvendo instituições ligadas ao trânsito, transporte e a segurança pública.

A meta é reduzir pela metade os acidentes de trânsito em todo o mundo, mas para que isso venha acontecer entende-se que o trabalho deve ser de todos e alcançar todos os segmentos da sociedade.

O movimento Maio Amarelo pretende chamar a atenção da sociedade para o elevado número de acidentes de trânsito e mortes decorrentes que ocorrem em todo o mundo, sobretudo no Brasil. A cor amarela foi escolhida por simbolizar atenção, em referência à sinalização de advertência no trânsito. Já o mês foi escolhido por ter uma ligação com a história de segurança no trânsito, uma vez que foi em maio de 2011 que a ONU decretou a “Década de Ações para a Segurança no Trânsito”.

O tema da campanha

Sob o tema Nós somos o trânsito, o Maio Amarelo 2018 mantém a tendência dos últimos anos de dialogar e dividir com os usuários das vias, condutores de veículos e pedestres a responsabilidade por uma convivência cordial e segura nas rodovias ruas, esquinas e semáforos do País, com o objetivo principal de salvar vidas a partir da redução da acidentalidade e de suas consequências.

Ao longo da campanha, várias atividades educativas, ações com abordagens, distribuição de material educativo, palestras em escolas, instituições militares e empresas estão realizadas por todas as instituições envolvidas.

Em Santa Maria, fazem parte da campanha a Polícia Rodoviária Federal (PRF), Batalhão Rodoviário da Brigada Militar (BRBM), Brigada Militar, SEST/SENAT, DNIT,  Coordenadoria de Trânsito e Mobilidade Urbana (CTMU), UFSM,  Exército Brasileiro (EB) e Força Aérea Brasileira (FAB).